Uma análise filosófica sobre o problema da privacidade informacional e suas implicações legais

Com o avanço exponencial das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC), a dinâmica da vida cotidiana dos indivíduos tem se alterado. Dentre os artefatos que constituem as TIC, destacam-se aqueles vinculados à internet (notebook, smartphone, tablet, smartv, entre outros). A partir da disseminação de dispositivos com conexão online no tecido social, temas já tidos, em princípio, como compreendidos, tais como amizade, confiança, identidade, privacidade, dentre outros, são colocados em xeque. Neste artigo, analisaremos o tópico da privacidade, o qual tem se destacado no cenário de discussão mundial nos últimos anos. Para tanto, levantaremos as seguintes questões: em que medida a inserção de TIC na sociedade afeta a privacidade dos indivíduos?
Como conceber a privacidade e os aspectos legais relacionados a ela em virtude dos impactos das TIC no cotidiano dos indivíduos? Em face dessas questões, nos alicerçaremos principalmente nas teses de Tavani (2007), Moor (1990, 1997) e Tavani e Moor (2001). Estes autores defendem a chamada teoria da privacidade acesso restrito/controle limitado (RALC), a partir da qual propomos discutir a capacidade de incorporar e suprir algumas limitações de quatro abordagens filosóficas e legais da privacidade, quais sejam: i) teoria não invasão (ou não intromissão); ii) teoria isolamento (ou solidão); iii) teoria limitação; e iv) teoria controle. Argumentaremos que, no contexto a ser aqui apresentado, a teoria acesso restrito/controle limitado parece ser a mais adequada para servir de base para o desenvolvimento de uma política da privacidade informacional. Com isso, buscamos contribuir para a reflexão filosófico interdisciplinar acerca do conceito de privacidade e de suas implicações legais no cenário vigente da “Sociedade da Informação”.

Artigo de Leonardo Ferreira Almada e João Antonio de Moraes

 

 

UMA ANÁLISE FILOSÓFICA SOBRE O PROBLEMA DA PRIVACIDADE INFORMACIONAL E SUAS IMPLICAÇÕES LEGAIS by Sérgio Lagoa on Scribd

Facebook Comments
Marcados com: , , , , , , , , , , , ,
Publicado em Filosofia da Informação

Ciência Política – 12.º ano – Aprendizagens Essenciais

Encontram-se em discussão pública as Aprendizagens Essenciais do 12.º ano.

 

12 Ciencia Politica by lagoa1972 on Scribd

Facebook Comments
Marcados com: ,
Publicado em Páginas de Filosofia

Aprendizagens Essenciais – Filosofia 12.º ano

Encontram-se em discussão pública as Aprendizagens Essenciais do 12.º ano.

12 Filosofia A by lagoa1972 on Scribd

Facebook Comments
Marcados com: , ,
Publicado em Didática da Filosofia

Aprendizagens Essenciais – Filosofia 11.º ano

Encontram-se em consulta pública as Aprendizagens Essenciais do Ensino Secundário. (11.º e 12.º anos).

 

Pode consultar aqui as AE de Filosofia 11.º:

 

11_filosofia by Sérgio Lagoa on Scribd

Facebook Comments
Marcados com: , ,
Publicado em Didática da Filosofia

Philosophy for/with Children and the Citizen-Agent

Nos próximos dias 25 a 27 de Julho de 2018, será organizada pela ICPIC (The International Council of Philosophical Inquiry with Children) a 19.ª Conferência Bienal “Philosophy for/with Children and the Citizen-Agent”, na cidade de Bogotá, Colômbia.

Para mais informações, visitar a página: https://eventos.uniminuto.edu/20862/detail/icpic-2019.html

Facebook Comments
Marcados com: ,
Publicado em Divulgação, Filosofia com Crianças

Filosofia, Prova 714 – 1.ª fase, 2018

Prova 714 – Versão 1

 

Exame Final Nacional de Filosofia Prova 714 | 1.ª Fase | Ensino Secundário | 2018 by Sérgio Lagoa on Scribd

Prova 714 – Versão 2

Exame Final Nacional de Filosofia Prova 714 | 1.ª Fase | Ensino Secundário | 2018 by Sérgio Lagoa on Scribd

Prova 714 – Critérios de correção

Exame Final Nacional de Filosofia Prova 714 | 1.ª Fase | Ensino Secundário | 2018 by Sérgio Lagoa on Scribd

Facebook Comments
Marcados com: , , , ,
Publicado em Exames nacionais

O cinema na didática da filosofia

Neste artigo tratarei de estabelecer a relevância didática do cinema nas aulas de Filosofia, sem preocupações de remeter para uma outra questão, que é a da relação entre Filosofia e Cinema.

O Cinema na Didática da Filosofia by Sérgio Lagoa on Scribd

Facebook Comments
Marcados com: , ,
Publicado em Cinema e Filosofia, Didática da Filosofia

LISTAS PROVISÓRIAS: Concurso Interno Antecipado, Concurso Externo Ordinário e Concurso Externo Extraordinário

LISTAS PROVISÓRIAS

Concurso Interno Antecipado

Ordenação

Exclusão

Concurso Externo Ordinário

Ordenação

Exclusão

Concurso Externo Extraordinário

Ordenação

Exclusão

 

Facebook Comments
Marcados com: , ,
Publicado em Concursos

Rawls e a Estratégia Maximin

Eis uma forma simples de explicar a Estratégia Maximin de Rawls:

Facebook Comments
Marcados com: ,
Publicado em Clara Pereira, Ética, John Rawls

A Filosofia com Crianças e a capacidade de resolução de problemas

 

INTEGRAÇÃO CURRICULAR: A FILOSOFIA NAS MALHAS DE UM PROBLEMA
Pedro Duarte, Dárida Maria Fernandes, António José Guedes

Originalmente publicado em http://repositorio.ipv.pt/bitstream/10400.19/4557/1/AtasXXVIIISIEMFINAL_domi.pdf 

Resumo. O presente trabalho pretende explicitar os resultados obtidos num processo de investigação em que se relacionou a Filosofia para Crianças, enquanto metodologia e a capacidade de Resolução de Problemas em
crianças do 1.º Ciclo do Ensino Básico. O estudo desenvolveu-se numa turma do 2.º ano no concelho do Porto, em que se trabalhou colaborativamente com a professora titular de turma e se integrou as diferentes áreas curriculares, numa perspetiva curricular, transversal e de educação para a cidadania. Nesta investigação pretendia-se perceber o impacto desta metodologia no desenvolvimento do raciocino e da comunicação matemática associada ao processo de resolução de problemas relacionado com a aquisição e a mobilização do conhecimento matemático.

 

FcC e Resolução de problemas by Sérgio Lagoa on Scribd

Facebook Comments
Marcados com: , , ,
Publicado em Filosofia com Crianças
Arquivo