2081

Trata-se da adaptação, em curta-metragem, do conto de original Kurt Vonnegut’s Harrison Bergeron 2081 mostra-nos um futuro no qual constitucionalmente todos os cidadãos são finalmente iguais. Quem tem excecionais capacidades auditivas, visuais, quem for mais bonito ou mais forte e inteligente é obrigado a fragilizar as suas vantagens individuais.

Interessante para abordar o problema político da igualdade e da diferença.

Facebook Comments

Licenciado em Filosofia pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto em 1995, é Professor no Ensino Secundário desde 1994/5 e Formador de professores, com o registo CCPFC/RFO-38329/17. Mestre em Ensino de Filosofia (Faculdade de Letras da Universidade do Porto). Mestre em Pedagogia do e-learning (Universidade Aberta). Site pessoal: http://sergiolagoa.wordpress.com . Coeditor do site Mil Folhas -- http://www.milfolhas.net Contacto: aulas.sergiolagoa@gmail.com

Marcados com: , , , , , , , , , , , , , , , ,
Publicado em Cinema e Filosofia, Sérgio Lagoa
Creative Commons
Arquivo