Amnistia Internacional: actividades

Notícias da AI Portugal – Saiu na semana de 13 de Outubro o novo boletim da AI Portugal. Com imagem renovada, é o primeiro número da série V da revista. Para receber, contacte boletim@amnistia-internacional.pt.
Tertúlia sobre “Comércio de Armas” – O uso e porte de armas esteve a 21 de Outubro em debate numa tertúlia que decorreu pelas 21 horas, no Instituto Superior Técnico, em Lisboa. O Director Executivo da AI Portugal esteve presente para lembrar que as armas são, mais do que um problema legal, uma questão social. A tertúlia resulta de uma parceria entre o Grupo de Estudantes da AI da Faculdade de Direito de Lisboa e a Associação de Estudantes do Instituto Superior Técnico.
A AI Portugal recomenda o DocLisboa – O DocLisboa é um dos maiores festivais de cinema documental da Europa e até ao próximo dia 26 de Outubro vai exibir documentários sobre os mais variados temas. A AI Portugal aconselha alguns filmes, que retratam problemas concretos de direitos humanos, como We (Wo Men), que revela os perigos de procurar a liberdade na China, e Anna, Seven Years on the Frontline, que retrata a luta da jornalista assassinada Anna Politkovskaya. Ver lista completa de filmes recomendados pela AI em www.amnistia-internacional.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=588&Itemid=97
Porto Cartoon também em Lisboa – A edição deste ano do Porto Cartoon dedica-se em exclusivo à temática dos Direitos Humanos. Neste sentido, está patente na sede da Caixa Geral de Depósitos, em Lisboa, uma exposição que reúne cerca de uma centena de cartoons sobre a temática. Para ver até 15 de Novembro, todos os dias úteis entre as 8 e as 20h30. Ressalve-se que continua aberta ao público, até ao final do ano, no Museu Nacional da Imprensa, no Porto, uma exposição paralela, que contém cerca de 400 cartoons centrados nos direitos humanos.
BD da Amadora – Vai decorrer entre os dias 24 de Outubro e 9 de Novembro mais um Festival de BD da Amadora. No ano em que se celebram 60 anos passados desde a criação da Declaração Universal dos Direitos Humanos, a AI Portugal vai integrar a exposição com uma banda desenhada alusiva ao tema. Para ver no Fórum Luís de Camões, na Brandoa.
Campo de Trabalho em Albufeira – Recordamos que o IX Campo de Trabalho da AI Portugal vai decorrer na cidade de Albufeira, entre os dias 31 de Outubro e 3 de Novembro. Destinado a jovens entre os 15 e os 18 anos, tem como objectivo educar para os direitos humanos. As inscrições estão abertas até 24 de Outubro e têm um custo de 30 Euros, que inclui materiais, alimentação, alojamento e transporte no local. Mais informações em www.amnistia-internacional.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=568&Itemid=126
Os Novos Tarrafais – Na newsletter quinzenal anterior informámos que o movimento cívico “Não Apaguem a Memória” vai realizar uma conferência sobre “O Tarrafal e a Opressão Salazarista”, dia 25 de Outubro, no Museu Militar do Porto. No entanto, não será este o evento em que a AI Portugal vai participar, estando agendado um colóquio internacional para dia 29 de Outubro, no Auditório da Assembleia da República, numa parceria com a Ordem dos Advogados, a CPLP e a Fundação Mário Soares. Luís Silva, da direcção da AI Portugal, vai falar sobre “Os novos Tarrafais”, e Victor Nogueira, assessor da direcção, irá moderar o painel sobre “O Tarrafal dos patriotas africanos”. Saber mais em www.amnistia-internacional.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=592&Itemid=114
Cabazes de Natal – Se já está a pensar nas prendas de Natal, não se esqueça que, pelo terceiro ano consecutivo, a AI Portugal vai comercializar Cabazes de Natal compostos unicamente por produtos de comércio justo. Isto implica que, para além da qualidade dos bens alimentares, cada cabaz tem em conta preocupações sociais, como o respeito pelo meio ambiente, as condições laborais dignas dos trabalhadores que estiveram na sua origem, a não discriminação e a prática de preços justos para os produtores. Uma oportunidade única para adquirir os melhores produtos, ao preço mais justo. E ainda ajuda a AI Portugal, pois uma parte do valor dos cabazes reverte para as nossas acções. Daremos mais notícias muito em breve.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.