Arquivos do Blog

Mario Perniola – A estética do século XX – #3

Com efeito, não é certo que a noção de «diferença» possa ser considerada como um verdadeiro conceito, análogo ao de «identidade» (em torno do qual se movimenta a lógica de Aristóteles) e ao de «contradição» (em torno do qual se

Marcados com: ,
Publicado em Estética, Filosofia da Arte

Mario Perniola – A estética do século XX – #2

Donde deriva esta incapacidade da estética para fornecer uma interpretação teórica do sentir contemporâneo? Por que razão parece este escapar à apropriação intelectual da experiência estética? Por que razão noções como a de vida e a de forma, faculdades como

Marcados com: ,
Publicado em Estética, Filosofia da Arte

Mario Perniola – A estética do século XX

Esta actividade multiforme [da estética do século XX] é, a meu ver, redutível a quatro campos conceptuais bem determinados e identificáveis através das noções de vida, forma, conhecimento e acção. (…) Toda a estética no sentido restrito (ou seja, que

Marcados com: ,
Publicado em Estética, Filosofia da Arte
Creative Commons
Arquivo