Arquivos do Blog

Promessa mentirosa

Ponhamos por exemplo a questão seguinte: – Não posso eu, quando me encontro em apuro, fazer uma promessa com a intenção de a não cumprir? (…) Ficaria eu satisfeito de ver a minha máxima (de me tirar de apuros por

Marcados com:
Publicado em Ética, Kant

David S. Oderberg – Uma crítica ao argumento (de Peter Singer) em defesa da eutanásia voluntária #2

O ponto em que a analogia com a vida termina reside, contudo, no facto de, embora a pessoa possa indubitavelmente alienar o seu direito a este ou àquele bem (…) não pode alienar o seu direito à propriedade em geral,

Marcados com: , ,
Publicado em Bioética, Ética

David S. Oderberg – Uma crítica ao argumento (de Peter Singer) em defesa da eutanásia voluntária #1

É este o principal argumento a favor da eutanásia voluntária: Todos os direitos são alienáveis; existe o direito à vida; portanto, o direito à vida é alienável. Se uma pessoa sã de mente, capaz de pensar racionalmente, de avaliar com

Marcados com: , ,
Publicado em Bioética, Ética

Da filosofia do charco à da subtileza

Um dos problemas filosóficos mais facilmente associável à vivência humana do dia a dia é o de saber se temos ou não obrigação moral de ajudar quem vive em pobreza extrema. Peter Singer avançou com um dos mais famosos e

Publicado em Direitos Humanos, Ensaio Filosófico, Ética, Filosofia Política, Rui Areal

Peter Singer: uma entrevista com Sofia Miguens e Paulo Santos

Sofia Miguens e Paulo Santos entrevistaram Peter Singer, quando esteve no Porto, em junho, para participar na International Conference on Ethics. Pode ouvir a entrevista aqui:

Marcados com: , , , , ,
Publicado em Direitos Humanos, Ética, Filosofia Política

Ação moral

Kant nunca disse que as boas ações têm de ser motivadas por um sentido de dever. O que Kant diz, de facto, é que, na medida em que são praticadas por um sentido do dever, as ações têm valor moral

Marcados com: , , ,
Publicado em Ética

A Vontade Boa

  Não é possível pensar em seja o que for no mundo, ou até fora dele, que se possa considerar bom sem qualificação exceto a vontade boa. A inteligência, a perspicácia, o discernimento e sejam quais forem os talentos do

Marcados com: , ,
Publicado em Ética

A Importância da Intenção

Segundo os consequencialistas, a distinção entre aquilo que um agente pretende e aquilo que ele sabe ou prevê é, quando muito, uma distinção verbal sem relevância moral. Afinal, se o que interessa são as consequências ou efeitos das ações, como

Marcados com: , , , ,
Publicado em Ética

Direitos

Em geral, um direito é algo que podemos exigir justificadamente dos outros. Se tens um direito, então podes exigir que os outros te tratem de certas maneiras. Tradicionalmente, distinguem-se os direitos legais dos direitos humanos [ou morais]. Um direito legal

Marcados com: , , , , , , ,
Publicado em Ética

Quiz Show e o Carácter Moral das Acções

Quiz Show é um filme realizado por Robert Redford em 1994, baseado num caso verídico de fraude televisiva na NBC nos anos 50. Na altura, um académico chamado Charles Van Doren participou durante várias semanas num programa televisivo chamado Twenty-One, ganhando

Marcados com: , , , ,
Publicado em Cinema e Filosofia, Ética, Filosofia, Kant, Páginas de Filosofia, Stuart MIll
Creative Commons
Arquivo