Escola incentiva pensamento crítico

O secretário Municipal da Educação, Marcos Juliano Bordon, visitou a instituição e falou sobre as políticas voltadas à educação. Também estiveram presentes o delegado da Polícia Civil, Heli Andrade, e o professor e vereador Carlos Alberto Godoy, que apresentou a discussão sobre o papel do Poder Legislativo e o da imprensa na sociedade.
 
Segundo o coordenador do projeto, Cristiano Pires da Silva, professor de Filosofia e Sociologia, a ação é interdisciplinar, levantando os temas através das disciplinas de Ciências Humanas. “Serve para despertar a consciência crítica da realidade onde vivemos. É a criação de um espaço para os alunos questionarem as autoridades que nos representam. Foi a forma que encontramos de eles exercerem sua cidadania tirando dúvidas e fazendo críticas”, explica Cristiano, que vê a oportunidade de trazer o entendimento aos alunos sobre deveres, mas mostrando que têm direitos que precisam lutar para manter.
 
O resultado são trabalhos em vídeo produzidos pelos próprios estudantes e que servem de material pedagógico para a escola. Aproveitando o que foi discutido, ao longo do ano os alunos visitam empresas, asilos, hospitais e entidades assistenciais, onde fazem questionamentos a respeito da legislação e do atendimento à população, informando e praticando o que aprenderam. “Sempre tendo a preocupação com o social e o lado humanístico das questões”, conclui o professor.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.