Rendimento Básico Incondicional na TSF

A rádio  TSF discutiu o Rendimento Básico Incondicional no programa “Olhe que não”, com João Cardoso Rosas e Catarina Neves. O programa pode ser ouvido em https://www.tsf.pt/programa/olhe-que-nao/emissao/concorda-com-o-rendimento-basico-incondicional-para-todos-os-cidadaos-para-quem-trabalha-e-para-quem-nao-quer-trabalhar-10901054.html?autoplay=true

 

 

Concorda com o Rendimento Básico Incondicional para todos?

 

E se, no futuro, todos os cidadãos tivessem direito a um rendimento básico, quer trabalhassem quer não? Uma questão ética e disruptiva no conceito de trabalho tal como o conhecemos em discussão no programa “Olhe que não”.

Rendimento Básico Incondicional: uma prestação social de mesmo valor para todos os cidadãos, quer trabalhem ou não, sejam ricos ou pobres.

João Cardoso Rosas, presidente do Instituto de Letras e Ciências Humanas da Universidade do Minho, e Catarina Neves, doutoranda na mesma instituição, trocam ideias sobre o tema no programa da TSF ” Olhe que não “.

João Cardoso Rosas é investigador nas áreas da teoria política, da filosofia política, das ideologias políticas e da filosofia dos Direitos Humanos, com vários livros publicados sobre estes temas. Catarina Neves, depois de uma licenciatura em ciência política e um mestrado em gestão, estuda agora o rendimento básico incondicional e colabora com a associação que defende a sua implementação em Portugal.

Facebook Comments

Licenciado em Filosofia pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto em 1995, é Professor no Ensino Secundário desde 1994/5 e Formador de professores, com o registo CCPFC/RFO-38329/17. Mestre em Ensino de Filosofia (Faculdade de Letras da Universidade do Porto). Mestre em Pedagogia do e-learning (Universidade Aberta). Site pessoal: http://sergiolagoa.wordpress.com . Coeditor do site Mil Folhas -- http://www.milfolhas.net Contacto: aulas.sergiolagoa@gmail.com

Marcados com: , , , , , , , ,
Publicado em Filosofia, Filosofia Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Creative Commons
Arquivo